Restaurando a Páscoa em Nossos Corações
ARTIGOS 01/04/2018 - 14:27
 
 

 

Por Eguinaldo Hélio de Souza

Limpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós. Pelo que façamos festa, não com o fermento velho, nem com o fermento da maldade e da malícia, mas com os asmos da sinceridade e da verdade. (1 Coríntios 5.7, 8).

Talvez nenhum esforço nosso poderá convencer o mundo que chocolates, ovos e o coelhos estão tão longe do sentido da Páscoa quanto o céu está distante da terra. Nossa cultura nunca permitirá negar chocolates e bombons aos nossos filhos. Ainda assim, nada pode nos impedir de refletir, viver e experimentar o verdadeiro sentido da Páscoa.

Ela começou como um fato histórico, tornou-se uma festa simbólica, foi concretizada em Cristo e hoje é realidade em nós.

Naquela noite o anjo da morte passou pelo Egito (pessach – passagem) e trouxe a situação que libertaria o povo de Israel de seu cativeiro (Êxodo 12). O sangue de um cordeiro na porta de suas casas garantiu-lhes a vida e a libertação. Uma festa anual foi instituída para que jamais esse dia fosse apagado de suas memórias. A festa foi celebrada ao longo dos séculos, mas era apenas sombra de algo muito maior.

Foi no tempo da Páscoa em Jerusalém que Jesus, o Cordeiro de Deus deu sua vida por nós, ressuscitando ao terceiro dia. Foi ali que seu sangue foi derramado na cruz em nosso favor, trazendo para nós a libertação e a vida que hoje desfrutamos. Essa é a Páscoa real.

Comprar ovos e comer chocolates não significa nada diante do fato de que fomos resgatados por esse sangue e libertados das prisões do pecado, do mundo e de Satanás caminhamos agora para a Canaã celestial. E é essa redenção real, eterna e verdadeira que merece o nome de Páscoa. O restante são tentativas humanas de se lucrar com os feitos de Deus.

Não vamos permitir que as tradições humanas escondam a obra Eterna de Deus. Não vamos perder a oportunidade de refletir sobre essa tão grande salvação. Não esqueceremos jamais o que Ele fez por nós.

Cristo é a nossa Páscoa, nossa redenção e resgate. Nenhuma criatividade humana poderá superar essa gloriosa realidade.


Fonte: https://devocionaiseesbocos.wordpress.com/
 
 
Não esqueça de comentar
 
Pesquise em nosso Acervo
 
Leia também
  Só Deus Conhece Você Plenamente
ó Deus sabe realmente o quanto você é especial. Ele conhece plenamente seu potencial, seu valor. Mai
 
  É Melhor Manter o Fogo Aceso
Leva muito mais tempo e exige muito mais esforço reacender um fogo que apagou do que mantê-lo aceso.
 
  Deus é o Nosso Oásis, por Eguinaldo Hélio
Oásis são como ilhas no deserto. Neles você pode encontrar água em meio à seca, sombra em meio ao so
 
Publicidade
 
Em cima da Hora
  Pela primeira vez, TSE manda retirar fake news da internet
O ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Sérgio Banhos determinou hoje (7) que o F
 
  Temer se reúne com presidentes da Assembleia de Deus no Brasil
O presidente Michel Temer, participa da Assembleia Geral Extraordinária da Convenção Nacional das As
 
  Veja fatos que marcaram os dois anos do governo Temer
O presidente Michel Temer reúne nesta terça-feira (15), no Palácio do Planalto, a equipe ministerial
 

 

© 2018 JE - Jornal Evangélico - O Jornal Evangélico é uma publicação Interdenominacional.
Todos os direitos reservados.