Mais de 200 madrassas foram fechadas no Paquistão
MISSÕES 29/04/2016 - 17:37
 
 

Esse tipo de escola vem preocupando o próprio governo, já que as crianças cada vez mais se simpatizam com os valores islâmicos radicais

De acordo com informações do Zee News, 254 escolas (madrassas) foram fechadas no Paquistão, o governo alegou que houve falta de registro e que esse procedimento faz parte do plano de ação nacional de combate ao terrorismo. As madrassas são escolas religiosas islâmicas que oferecem alguma instrução, porém se preocupa muito mais com a memorização do alcorão. Atualmente, esse tipo de escola vem preocupando o próprio governo, já que as crianças cada vez mais se simpatizam com a militância radical. Segundo informações da própria mídia local, os perfis de homens-bomba foram analisados e descobriram que a maioria deles frequentaram madrassas.

"Embora essa atitude da liderança seja um primeiro passo encorajador para as minorias religiosas, sabemos que ainda existem cerca de 35 mil madrassas no Paquistão, de acordo com os relatórios oficiais e pelo menos um terço delas estão difundindo os valores islâmicos radicais. Logo, o Paquistão ainda tem um longo caminho a percorrer", comenta um dos analistas de perseguição. O Paquistão é muito conhecido por incitar o ódio contra os cristãos. Prisões, execuções, sequestros e ataques a igrejas são muito comuns.

O país atualmente ocupa o 6º lugar na Classificação da Perseguição Religiosa atual. As leis de blasfêmia são frequentemente aplicadas de forma abusiva contra as minorias religiosas, incluindo os cristãos, que são tratados como cidadãos de segunda classe. É muito comum ouvir os muçulmanos chamando os cristãos de "isai" que quer dizer "raça impura". Essa é uma forma de menosprezá-los, já que na cultura paquistanesa os isais são considerados o "lixo da sociedade". Por outro lado, existe um grupo de jovens que realizou uma campanha, no ano passado, a fim de combater esse tipo de discriminação contra os cristãos, mudando essa nomenclatura para "povo do Messias". Esse povo do Messias que está no Paquistão faz parte da família cristã. 

 

 
 
Não esqueça de comentar
 
Pesquise em nosso Acervo
 
Leia também
  Morrer em missões ou viver em missões? Por Teófilo Karkle
Verão de 2008, mês de janeiro, capital do Chile, um dia em que jamais vou esquecer. Depois de 55 dia
 
  Instituto Minha Esperança (AME) leva perspectiva de vida através de projetos sócias
Transformar vidas abrindo caminhos para um amanhã melhor, essa é a principal missão do Instituto Min
 
  Cristãos presos são punidos depois de receber visita de pastor com câmera no Sudão
Dois pastores presos na República do Sudão foram transferidos a celas isoladas como forma de punição
 
Publicidade
 
Em cima da Hora
  Leonardo Euler é nomeado presidente da Anatel
O Presidente da República nomeou o conselheiro Leonardo Euler de Morais para exercer o cargo de Pres
 
  Grupos musicais já podem se inscrever para a Cantata de Natal
A Secretaria de Cultura de Suzano está com inscrições abertas para corais, orquestras e outros grupo
 
  Mais uma creche escola começa a ser construída em Suzano
A obra da creche escola programada para o Residencial Nova América, distrito de Palmeiras, já começo
 

 

© 2016 JE - Jornal Evangélico - O Jornal Evangélico é uma publicação Interdenominacional.
Todos os direitos reservados.